O Senhor Vem! (Mateus 24,37-44)

    A vinda do Filho do Homem será como no tempo de Noé. Porque, nos dias antes do dilúvio, todos comiam e bebiam, casavam-se e dava-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca. E eles nada perceberam, até que veio o dilúvio, e arrastou a todos. Assim acontecerá também na... Continue lendo →

Anúncios

Os Estigmas de Francisco de Assis e o Segredo da Suprema Felicidade

Sessenta e cinco meditantes de vários continentes se reuniram recentemente em um Retiro silencioso de uma semana, no Monte Alverne, o lugar de peregrinação na Toscana,  onde São Francisco de Assis (1182-1226) recebeu os estigmas em 1224, dois anos antes de sua morte. Passamos a noite do primeiro dia de viagem ao pé do monte... Continue lendo →

Outra vez Crucificada

  Como a Igreja Católica é feita de pessoas imperfeitas e até pecadoras, -e assim são todas as igrejas-, aconteceu, acontece e pode acontecer de novo que seus membros errem. Erram também os membros de outras comunidades. Mas um é o tratamento dado aos do nosso lado e outro aos do lado de lá, que... Continue lendo →

O Crucifixo de São Damião

O Crucifixo de São Damião foi pintado no século XII por um desconhecido artista da Úmbria, região da Itália. A pintura é de estilo romântico, sob clara influência oriental: o pedestal sobre o qual estão os pés de Cristo pregados separadamente; e de influência siríaca: a barba de Cristo; a face circundada pelo emoldurado dos... Continue lendo →

Ser frade Franciscano é uma grande alegria

Por Moacir Beggo Diz um ditado popular que “mineiro não fala, proseia”. Frei Carlos Ajluni Oliveira deu-nos a honra de uma “prosa”, onde falou um pouco de sua vida, de sua caminhada vocacional e de suas expectativas como sacerdote de Cristo. Isso porque Frei Jean será ordenado presbítero pela imposição das mãos do bispo diocesano... Continue lendo →

Religião de Verdade

  Um dos maiores especialistas em linguagem portuguesa, na região onde eu morava, tinha um enorme problema: prolação. Sabia tudo sobre gramática e como escrever o português, mas não sabia falar de maneira inteligível, comia todos os finais das palavras porque baixava demais a voz no encerramento da pronúncia. Assim, o homem que sabia português... Continue lendo →

A religiosidade dos pobres e a esquerda

A recente eleição de Crivella no Rio de Janeiro, especialmente sua popularidade nos bairros pobres da cidade, tem trazido à tona um debate sobre o modo como a esquerda, em geral, enxerga os evangélicos. Quase todos na esquerda, diz Renato Dutra à IHU On-Line, “rejeitam a adesão dos evangélicos à ‘teologia da prosperidade’ e aos... Continue lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑